O Que é o Grêmio Estudantil?

O grêmio estudantil é uma organização que não possui fins lucrativos e que tem como objetivo representar o interesse dos estudantes. Dentre as funções do grêmio estão fins cívicos, desportivos, culturais, sociais e educacionais. Numa escola o grêmio é o órgão máximo para representar os alunos.

Os alunos que atuam nele defendem os direitos e interesses dos demais. A importância da existência do grêmio estudantil numa escola se deve ao fato de que nele os alunos se envolvem em discussões a respeito de seus direitos e deveres além de criar um amplo leque de possibilidades de ação no ambiente da escola e na comunidade.

Objetivos do Grêmio Estudantil

Dentre os principais objetivos de um grêmio estudantil está aumentar a participação dos alunos nas atividades da escola como organização de palestras, projetos, campeonatos e muito mais. Os alunos passam a ter voz ativa e participar das realizações da escola junto aos funcionários, pais, diretores, professores e coordenadores.

Através da representação do grêmio estudantil é possível que os alunos participam da tomada de decisões da escola bem como se torna mais fácil a exposição de ideias e opiniões que tornem o ambiente escolar mais atrativo para os estudantes. Com isso podemos dizer que a existência desse órgão de representação aproxima os alunos da direção da escola.

Estatuto Social do Grêmio Estudantil

Para que um grêmio estudantil possa existir e cumprir as suas tarefas é essencial que existe um estatuto social do mesmo. Esse estatuto consiste num documento que estabelece quais são as normas sob as quais o grêmio deverá funcionar. Nesse estatuto deve estar claro como serão realizadas as eleições e como a Diretoria do órgão será composta.

É importante que o estatuto deixe claro de que maneira a diretoria deverá agir nos mais diferentes casos, pois lembre-se que depois dos primeiros componentes muitas outras gestões virão. Criar um grêmio estudantil na sua escola pode não ser tão complicado como garantir que mesmo depois de sua formação ele ainda continuará existindo através da gestão de outros alunos.

Para que um órgão como um grêmio estudantil continue funcionando corretamente é necessário que as novas diretorias sigam algumas regras e rituais. Confira abaixo um de que forma é possível criar um grêmio estudantil na sua escola.

Como Formar um Grêmio Estudantil

A seguir listamos os cinco passos essenciais para criar esse órgão de representatividade dos alunos.

Comunicação a Direção da Escola

A partir do momento que os alunos identificam a necessidade da criação de um órgão de representatividade na escola devem comunicar a direção. A direção da escola cabe fazer a divulgação da proposta para os alunos e convidar os representantes de classe (se existirem) para formar a Comissão Pró-Grêmio. O grupo Pró-Grêmio deverá elaborar a proposta de estatuto que deverá ser discutida e aprovada por uma Assembleia Geral.

Assembleia Geral

Com a elaboração do estatuto feita a Comissão Pró-Grêmio convida todos os alunos para participar da Assembleia Geral. Nessa reunião deve ser escolhido o nome do grêmio, o período em que serão realizadas as campanhas das chapas interessadas bem como a data da eleição e a aprovação do Estatuto do Grêmio. Também é importante que nessa reunião sejam escolhidos os membros da Comissão Eleitoral. Lembre-se que a Assembleia Geral deverá ser registrada em ata.

Chapas e Debates

Os alunos que tiverem interesse deverão se reunir e formar chapas que irão concorrer a eleição. As chapas devem apresentar propostas para o seu ano de gestão, ou seja, ideias para melhorar o dia a dia dos alunos. Para tornar o processo mais democrático a Comissão Eleitoral promove debates entre as chapas, esses debates são abertos para todos os alunos.

Eleição

A eleição tem voto secreto e a organização deve ser feita pela Comissão Eleitoral. A contagem dos votos deverá ser realizada pelos representantes de turma e acompanhada por dois representantes de cada chapa, se possível também por um professor ou coordenador. Por fim a Comissão Pró-Grêmio deve fazer uma Ata de Eleição para divulgar os resultados.

Cerimônia de Posse

Para oficializar o resultado da eleição a comissão Pró-Grêmio deve enviar uma cópia da Ata de Eleição e do Estatuto para a direção da escola bem como deve organizar a cerimônia de posse da chapa vencedora da eleição. O processo eleitoral deve ser realizado todos os anos.

Conceitos Importantes

Para quem se interessou em criar um grêmio estudantil em sua escola é interessante conferir abaixo a explicação de alguns conceitos importantes.

O Que é Comissão Pró-Grêmio?

Trata-se do grupo de alunos que tem interesse na criação do grêmio. Esse grupo tem como função divulgar a ideia do grêmio para os demais alunos, elaborar o Estatuto do Grêmio bem como convocar a Assembleia Geral.

O Que é a Assembleia Geral?

Consiste na reunião dos alunos da escola para fazer a discussão e aprovação de alguma proposta do Grêmio. Trata-se do órgão máximo de decisão do grêmio estudantil e para que haja valor nessa assembleia é necessário que um mínimo de 10% dos alunos matriculados estejam presentes na reunião, senão deverá ser convocada outra assembleia geral.

O Que é Comissão Eleitoral?

É o grupo composto por dois representantes de cada chapa, representantes de turma e coordenação pedagógica da escola. Esse grupo tem como responsabilidade organizar o processo eleitoral como um todo. Dentre suas funções está a confecção de cédulas com os nomes das chapas, providência da urna, contagem dos votos e posterior divulgação dos resultados.

O Que é Associação de Pais e Mestres (APM)?

Essa é a instituição auxiliar da escola que objetiva contribuir com o processo educacional como um todo além da integração da família, escola e comunidade. Devido ao fato de que a escola não possui autonomia para movimentar os recursos financeiros de maneira direta é através da APM que recebe e administra esses recursos.

O Que é Maioria Simples de Voto?

Consiste basicamente na ideia de que considerando o total de votos será vencedor aquele que obtiver a maior quantidade de votos que é a metade mais um.

O Que é Quórum?

Trata-se do número de pessoas presentes numa reunião, assembleia ou discussão. Pode existir um quórum mínimo, um número mínimo de pessoas que é necessário para legitimar uma decisão.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Ensino

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *