As Constelações na Mitologia Grega – Parte IV

Muitos foram os mitos gregos para a origem das constelações, elas estavam intimamente ligadas aos seus deuses. Frequentemente os deuses lançavam às estrelas heróis, criaturas e representações de feitos,  para imortaliza-los. Algumas das constelações que conhecemos hoje têm seu nome ligado às suas origens mitológicas gregas:

Ganimedes, Aquário e Áquila

Ganimedes

Ganimedes

Ganimedes era filho de Tros, primeiro rei de Tróia. Ele pastoreava ovelhas no monte Ida e um dia Zeus observou o belo rapaz e apaixonou-se pelo mesmo, escolhendo-o para se tornar um pajem dos deuses, servindo-lhes o néctar. Zeus então se transformou em águia, desceu e capturou o jovem, voando com o mesmo para o lar dos deuses.

Porém tal posto já era de Hebe, filha de Zeus e Hera. Quando Ganimedes chegou ao Olimpo, uma competição teve início para determinar que serviria aos deuses. Ganimedes se saiu vitorioso e ganhou o posto se tornando companheiro de Zeus.

Em honra a tais eventos, Zeus lançou aos céus a forma da águia que usou para rapta-lo e a forma do próprio Ganimedes na constelação Aquário. Uma das luas de Júpiter (nome de Zeus para os romanos) também se chama Ganimedes. Esta constelação por vezes diz-se ser a águia que devora o fígado de Prometeu em sua punição.

Constelações

Constelações

Aquila, a águia celestial, é uma das três constelações que tem estrelas brilhantes formando o triângulo de verão. Uma linha quase perfeita de três estrelas simboliza suas asas. A estrela central e mais brilhante destas é Altair.

Leda e a constelação de Cygnus

Para os antigos gregos a constelação de Cygnus (que significa cisne) estava relacionada a alguns mitos envolvendo Zeus sendo o principal deles o que Zeus assume a forma de um cisne para seduzir Leda, rainha de Esparta, que se tornaria mãe de Helena de Tróia.

Outro mito fala de Zeus e da deusa Nêmesis, que para fugir deste transformou-se em vários animais. Porém ao transformar-se em ganso, Zeus assumiu por sua vez a forma de um majestoso cisne e conquistou o amor de Nêmesis.

A deusa então botou um ovo que abandonou em seguida. Porém um pastor encontrou-o e deu-o a Leda, esposa de Tíndaro o rei de Esparta. Deste ovo nasceu Helena, tão bela que Leda tomou-a como própria filha.

Leda

Leda

Cygnus, o cisne, é também conhecida como o Cruzeiro do Norte devido a sua forma. O rabo do cisne é marcado pela estrela brilhante Deneb (árabe para cauda). Três estrelas menos brilhantes formam a linha entre Deneb e a cabeça do cisne. Cygnus voa para o sul junto à Via Láctea no verão e para dentro do Triângulo de Verão.

Deneb é uma estrela gigante azul, muito jovem para os padrões das estrelas. Albireo, o bico do cisne, é na verdade formada por duas estrelas. Cygnus também tem várias nebulosas, incluindo a Nebulosa Norte Americana.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Divindades
1.538

Função: Programação e SEO Formação: Bacharelando em Ciência da Computação – Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) Técnico em Informática Industrial – Colégio Técnico Industrial de Guaratinguetá (CTIG) Interesses:  Internet, Jogos, Esportes e Música

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *