Cultura Maia

Os maias construíram uma civilização antiga que se estendia ao longo de grande parte da América Central, que atingiu o seu pico durante o primeiro milênio dC. A civilização maia nunca foi unificada, ela era formada por diversos pequenos estados que eram governados por reis. Às vezes, um estado maia mais forte dominava um estado mais fraco e passava exigir tributos e trabalho de seus moradores.

Confira o artigo e saiba mais sobre a cultura desta civilização.

Calendário Maia

Um sistema de escrita usando símbolos foi desenvolvido e era usado em construções, artefatos e livros. Eles também desenvolveram um calendário a partir de um sistema bastante complicado, que usava diferentes unidades que variavam em tamanho, que representavam um único dia ou milhões de anos. Ao contrário da crença popular, este sistema não previu o fim do mundo em 2012.

Além disso, ao contrário da crença popular, a civilização Maia não desapareceu. Enquanto muitas cidades foram abandonadas por volta de 1.100 anos atrás, outras cidades, como Chichén Itzá, foram formadas em uma das áreas em que a civilização se encontrava.

Quando os espanhóis chegaram à América Central no século 16, as doenças trazidas devastaram muitos maias. Além disso, os espanhóis os forçaram a se converter ao cristianismo, chegando ao ponto de queimar seus livros (a razão por que tão poucos são encontrados hoje). No entanto, é importante notar que representantes do povo maia ainda vivem e podem ser encontrados em todo o mundo.

Sacrifícios Humanos

Os sacrifícios humanos eram feitos apenas em ocasiões especiais. Entre os maias, o sacrifício humano não era um acontecimento diário e comum, mas era essencial para santificar certos rituais, como a posse de um novo governante, a designação de um novo herdeiro do trono, etc. As vítimas, muitas vezes, eram prisioneiros de guerra.

No sítio de Chichén Itzá, as vítimas eram pintadas de azul, cor usada para homenagear o deus Chaak, e lançadas em um poço. Já foram encontrados desenhos maia que mostram pessoas sendo sacrificadas, o que comprova ainda mais o fato.

Curiosidades Sobre os Maias

1 – A cultura maia surgiu em torno de 2000 aC, abrangendo de 250 a 900 dC, atingindo seu ápice de poder e influência no século VI dC.

2 – Existem mais de 7 milhões de maias que ainda vivem em áreas maias. Muitos têm conseguido manter viva grande parte de sua herança cultural.

3 – A civilização maia não era um império oficial, mas sim uma coleção de “cidades-estado” que se estendiam desde o México até a Guatemala, Belize e áreas ao norte de Honduras e El Salvador. A civilização maia clássica se estendeu por cerca de 40 cidades, com uma população que pode ter chegado a 2 milhões.

4 – O Império Maia é conhecido por ter uma língua escrita conhecida apenas na Mesoamérica, que remonta a 300 aC. O estilo caligráfico e a complexidade pictórica dos hieróglifos maias são como nenhum outro sistema de escrita, com 800 hieróglifos distintos.

5 – Em meados do século 16, missionários liderados por um monge franciscano espanhol chamado Diego de Landa queimaram pelo menos 40 códices (livros de madeira) maias e 20.000 imagens religiosas, deixando apenas quatro códices restantes. De Landa mais tarde afirmou que eles encontraram um grande número de livros e que eles continham superstições e coisas demoníacas, e que, por isso, decidiram queimar.

6 – Um dos quatro códices restantes inclui tabelas astronômicas, informações sobre eclipses, estações, movimentos das marés e movimento planetário. Eles também tinham conceitos matemáticos avançados.

7 – As mães maias tentavam induzir o estrabismo em seus filhos colocando bolas na frente do nariz dos bebês. Isso era feito em honra de Kinich Ahau, o deus do sol, que era vesgo. Elas também prendiam placas na testa dos bebês nobres para deixar com uma aparência achatada, como um sinal de status. Os dentes permanentes dos guerreiros adolescentes eram lapidados com pontas afiadas para dar a uma aparência feroz. As mulheres de status elevado, muitas vezes tinham seus dentes lapidados em diferentes padrões, além disso, eram feitos buracos para encaixar pedras preciosas.

8 – Os maias foram os primeiros a usar o cacau para o consumo. Usando cacau torrado eles faziam uma bebida de chocolate picante. Os europeus trouxeram o cacau de volta para casa, onde era transformado em chocolate e chocolate quente. O cacau era uma dádiva sagrada dos deuses, seus grãos eram usados ​​como moeda. O cacau ainda tinha seu próprio deus: Ek Chuah, o deus maaa dos comerciantes e do comércio, que também o patrono da cultura do cacau.

9 – O mito da criação Maia dizia que as pessoas foram criadas a base de uma massa de milho. Este ingrediente até hoje continua sendo um elemento essencial da dieta indígena maia, na forma de tamales, que é bastante semelhante ao que conhecemos no Brasil como pamonha. Os tamales são encontrados representados em hieróglifos maias e artefatos antigos.

10 – O povo Maia costumava usar drogas alucinógenas em seus rituais religiosos e também como analgésicos. Sementes, cogumelos tóxicos, tabaco, plantas fermentadas, mel e álcool eram usados.

11 – Oferendas eram feitas utilizando sangue obtido através de línguas furadas, orelhas, genitais ou outras partes do corpo. Animais (principalmente jaguares) e seres humanos eram sacrificados também. Vítimas humanas, muitas vezes incluíam crianças e guerreiros inimigos eram jogados em poços cheios de água para morrerem afogados.

12 – Escavações de sítios maias descobriram grandes praças, palácios, templos e suas famosas pirâmides, assim como quadras, semelhantes com quadras de tênis, que eram usadas para jogar bola.

13 – As plantações maias prosperaram durante períodos de chuva, e, em seguida, entraram em colapso quando o clima se tornou seco, o que, unido com a superpopulação, o uso excessivo da terra, e da guerra endêmica, causou o fim dos maias nas planícies do sul. Nas terras altas do Yucatan, algumas cidades maias continuaram a ser produtivas até por volta de 1500. Mas, na época da invasão espanhola no século 16, a maioria dos maias estava vivendo em aldeias agrícolas.

A cultura Maia se desenvolveu na America Central, possuindo conhecimentos muito importantes na área de astronomia e matemática, conhecimentos estes que eram muito superiores a outras civilizações da mesma época. A arte dos Maias era uma das mais sofisticadas de todo o mundo, possuindo grandes pinturas feitas em paredes, representando perfeitamente a forma humana.

As tradições religiosas do povo também foram muito interessantes e até os dias de hoje não pode ser completamente entendidas pelos pensadores. A arquitetura Maia é outro ponto de destaque desta cultura, sendo uma ótima maneira de se compreender os costumes e ainda a evolução desta sociedade durante o tempo. Veja a seguir fotos da cultura Maia:


Categoria(s) do artigo:
Américas
1.536
http://www.prosperaweb.com.br/

Função: Programação e SEO Formação: Bacharelando em Ciência da Computação – Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) Técnico em Informática Industrial – Colégio Técnico Industrial de Guaratinguetá (CTIG) Interesses:  Internet, Jogos, Esportes e Música

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • Parebens pelo saite otimo gostei mesmo
    otimas fotos otimos comteudos todos resumidos
    mas falando o mais importente o que mais interessa.

    matheus vaz 15 de junho de 2011 23:48 Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *