História da Colômbia

Localizada a noroeste da América do Sul, a Colômbia, faz fronteira com o Brasil e também com a Venezuela, Peru e Equador. A população local ultrapassa os 47 milhões de habitantes ocupando a posição número 28 dentre as maiores populações do globo. O idioma oficial é o espanhol e o país aparece como a quarta comunidade de língua espanhola com mais habitantes ficando atrás somente do México, Estados Unidos e Espanha. Continue lendo e descubra um pouco mais sobre a história do país.

História da Colômbia: Chegada dos Espanhóis

O ano de 1499 marcou a chegada dos espanhóis ao país que hoje conhecemos como Colômbia, até esse momento o território era ocupado por várias tribos indígenas com destaque para os Muiscas que também são conhecidos pela alcunha de Chibchas. Os dois espanhóis que entraram para a história como os primeiros a desembarcar em solo colombiano são João da Cosa e Alonso de Ojeda.

Seguiu-se um período em que diversas expedições passaram pelo litoral colombiano e no ano de 1525 a primeira cidade foi fundada com o nome de Santa Maria. Após oito anos, em 1533, foi fundada a cidade de Cartagena. Contudo, a fundação de cidade mais marcante desse período foi de Santa Fé de Bogotá por Gonzalo Jiménez de Ojeda, no ano de 1538, porque ele também deu um nome para o país que estava se formando, Nova Granada. Como se tratava de uma região com grande riqueza mineral passou a ser um ponto de investida de corsários (piratas) e posteriormente dos franceses e ingleses.

Bandeira da Colômbia

Bandeira da Colômbia

Independência de Nova Granada

Durante o período que se estendeu até o ano de 1717, Nova Granada, foi um território dependente da administração concentrada na cidade de Lima, no Peru. Contudo, as coisas começaram a mudar quando nesse ano a cidade de Bogotá se tornou capital do vice-reinado de Nova Granada que agregava os territórios do Equador, Venezuela, Panamá e Colômbia. A independência de Nova Granada se deu no ano de 1811 através do militar e política Simón Bolívar.

Os espanhóis se mantiveram resistentes quanto a independência do território motivo pelo qual a República da Colômbia foi criada somente no ano de 1819. Bolívar foi declarado presidente e a primeira constituição foi promulgada. A região passou a ser chamada de Grã-Colômbia e a liderança passou a ser de Bolívar. Quando o líder faleceu não demorou para que os territórios anexados começassem a buscar sua independência. Em 1830 foi o momento do desligamento de Venezuela e Equador e no ano de 1903 chegou a vez do Panamá.

Guerra dos Mil Dias

O ano de 1849 marcou a formação de dois partidos políticos com muita rivalidade na Colômbia, o Conservador e o Liberal. O desacordo de ideias dos partidos acarretou numa guerra civil que entrou para a história como a Guerra dos Mil Dias que findou em 1903 abrindo espaço para um período de uma relativa paz. A tranquilidade durou somente até 1948 quando o líder liberal Jorge Eliecer Gaitán foi assassinado.

Milhares de colombianos perderam a vida no conflito que se iniciou na cidade de Bogotá e se irradiou pelo interior do país. Percebendo que o conflito não era vantajoso para nenhuma das partes houve um acordo que levou a um golpe militar (1953 a 1958) em que os líderes dos dois partidos dividiram o poder.

Cartagena - Colômbia

Cartagena – Colômbia

Nascimento das Farc

Para alguns líderes do partido liberal que viveram intensamente a violência das décadas de 1930 e 1940 não pareceu suficiente dividir o poder com os conservadores e então criaram as Forças Armadas da Colômbia (Farc) no ano 1964. Além das Farc foram fundadas outras organizações de guerrilheiros como o Movimento Revolucionário 19 de Abril (M-19) e o Exército de Libertação Nacional (ELN). Hoje em dia o M-19 é um partido político.

Narcotráfico

Uma das questões mais problemáticas da Colômbia com certeza é o fato de que o narcotráfico é um poder paralelo no país. Na década de 1970 cartéis de drogas começaram a se estabelecer no território e nos anos 1980 já tinham uma poderosa parceria com as Farc tornando o país um dos principais produtores de cocaína do mundo.

Em 1984 tem início uma verdadeira guerra contra o narcotráfico contando com a entrada dos Estados Unidos nessa empreitada na década seguinte, 1990. Foi nesse período que se deu a prisão de Pablo Escobar, líder do cartel de Medellín e um dos principais nomes do narcotráfico mundial. Com o passar dos anos a Colômbia se consolidou como o maior produtor de cocaína do mundo sendo a principal fornecedora da droga para os Estados Unidos.

Cerca de 20% do território do país está sob o comando das Farc que possui mais de 17 mil guerrilheiros. O conflito entre as Farc e o governo colombiano ainda se mantém vivo e intenso, contudo, existe um esforço de negociação para chegar a algum tipo de paz.

Narcotráfico na Colômbia

Narcotráfico na Colômbia

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Américas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *