Simbolismo de Sonhos: Freud

Estamos habitando este planeta há milhares de anos. Nossos ancestrais estiveram por aqui com diferentes visões, tendo um longo caminho a percorrer, evoluírem e, por fim, chegarem ao que somos hoje. É bem óbvia as diferenças entre nós e os primeiros seres humanos que pisaram nesse planeta.

E, o que possibilitou que estivéssemos aqui hoje era, sem dúvida, a nossa inteligência, que se destacou perante os outros animais e que nos faz o animal mais racional da Terra. Por conta disso, pode-se dizer que o ser humano é aquele que domina toda a ordem de seres vivos do planeta, embora, às vezes, seja bem menor do que animais como leões, baleias, ursos, entre outros tipos.

Uma das nossas maiores vantagens é poder raciocinar e poder planejar coisas mais robustas e que tem maior certeza de dar certo, ou seja, ter plena consciência de nossas ações. E, uma das coisas que teve um papel crucial para que isso acontecesse foi a religião. Isso porque, nas religiões, se fala muito sobre o poderio que está escondido na nossa mente, dizendo que temos liberdade de escolha por qual caminho seguir, desde que saibamos as suas consequências.

Por falar em mente, ela é uma das responsáveis por nos fazer seres diferentes dos outros animais, pois é com ela que a gente pensa, sente e nos faz saber quem somos nesse mundo cheio de outras bilhões de mentes. E, uma das características mais interessantes da nossa mente a de nos fazer sonhar quando estamos dormindo. Durante muito tempo, os pesquisadores vêm tentando descobrir qual o significado dos sonhos e, porque, conseguimos realiza-lo durante as nossas noites. Outros especialistas, utilizam conceitos que vão além da ciência: é o caso de Freud.

Os Sonhos: O Que Diz A Ciência

Em definição, o sonho, para a ciência, nada mais é do que uma experiência imaginativa proveniente do subconsciente do ser humano, que acontece enquanto estamos dormindo. É claro que esta tradução é a mais aceita e difundida, pois está envolvida em debates entre cientistas e outros especialistas que acreditam na veracidade dessa informação. No entanto, não é somente a ciência que detém uma explicação para as coisas que acontecem com nosso corpo enquanto estamos em sono profundo.

Algumas religiões argumentam que o nosso corpo tem o sono como um método para fazer com que a nossa alma possa, realmente, sair de nosso corpo, para poder passar por uma purificação e, assim, poder chegar com boas energias para o outro dia que se aproxima. Por isso, muitos dizem que isso está intimamente ligado com o sonambulismo, que é o ato de andar e se movimentar enquanto se está dormindo. Eles argumentam que quando isso acontece, o corpo “desperta” antes do retorno do espírito, o que faz a pessoa não se lembrar de exatamente nada do que aconteceu, justamente pela falta de consciência enquanto o fenômeno acontece.

Muitas pessoas já relataram sonhar com coisas bastante aleatórias, e que, muitas vezes, não tinham sentido algum. Outras já dizem que seus sonhos eram sempre voltados para as pessoas do seu círculo de amizade que já tinham morrido, principalmente, quando essa pessoa é uma pessoa bastante próxima, ou é da família. Existem centenas de relatos onde pessoas dizem que entes queridos que faleceram apareceram em sonho para essas pessoas, para transmitir um recado ou se despedir.

No entanto, algumas outras explicações buscam desvendar os mistérios que estão embutidos nos sonhos, e Freud é um dos especialistas nesse assunto.

Sigmund Freud foi um renomado médico neurologista que nasceu em uma cidade que, na época (no século XIX) fazia parte do Império Austríaco, sendo hoje pertencente à República Tcheca. Nascido numa família extremamente judia, Freud começou seus estudos mergulhado em aprender a técnica da hipnose, que se trata em controlar a mente de uma pessoa para poder descobrir problemas que, às vezes, se encontram inacessíveis, muito por causa de estarem no subconsciente, que iremos falar a seguir.

Freud E A Psicanálise

Freud é o pai da Psicanálise, uma vertente da psicologia que busca explicar alguns fenômenos que não estão relacionados diretamente à mente da pessoa, mas sim, ao seu subconsciente. E, para atingir esse nível bastante profundo da mente humana, se utiliza diversos tipos de “ferramentas”, como a hipnose. Isso pode ser mostrado, recentemente, na televisão, por meio da novela “O Outro Lado Do Paraíso”, onde a personagem Laura tinha problemas ao se relacionar com seu marido, e não entendia muito bem os motivos para tal. No entanto, a garota sempre teve divergências com seu padrasto, Vinícius, e, a partir daí, começou uma investigação para saber a relação entre as suas “crises” e o seu descontentamento com o padrasto. Foi indicado um tratamento para ela por meio da hipnose, e, com essa técnica, descobriu-se que Vinícius abusava sexualmente dela quando criança. Ou seja, o princípio da hipnose, embora seja malvisto por algumas pessoas, pode ser usado para descobrir crimes cometidos, por exemplo.

E, em se tratando de sonhos, Freud explica que eles nada mais são do que apenas desejos que foram ou são reprimidos pelas pessoas, que fazem com que seu subconsciente absorva essas “vontades” cada vez mais, o que pode criar diversos problemas. Para explicar mais o que significa o subconsciente, voltemos ao exemplo de Laura, da novela. Ela foi reprimindo tanto os abusos que sofria, que passou a esquecê-los, mas sempre sofria com as sequelas deixadas. Foi necessária a hipnose para fazer com que as lembranças e memórias ruins voltassem à tona e ela pudesse, enfim, saber o que de fato ocorria com ela.

Voltando aos sonhos, Freud diz, por meio da psicanálise, que há diversos meios de interpretação dos sonhos, tanto de forma simbólica quanto de forma decifrada. Ou seja, quando se trata de um sonho decifrado, significa aquele sonho onde a pessoa se lembra de vários detalhes, podendo especificá-los de acordo com o que sua mente lembrava, mesmo depois de vários dias do sonho. Já a parte simbólica fala mais sobre quando a pessoa detentora do sonho consegue entender o seu significado, sem descrever de maneira correta como o sonho aconteceu.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Curiosidades

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *