Vestimentas do Paraguai

O Paraguai diferente de seus vizinhos com saída para o mar – Brasil e Argentina – não sofreu tanta influência estrangeira em seus costumes. Uma prova concreta disso é o fato do país ser bilíngue, os paraguaios falam castelhano (herança dos colonizadores espanhóis) e guarani (idioma dos índios que habitavam a região na época do descobrimento).

De maneira geral o castelhano é utilizado em situações mais formais enquanto que o guarani é falado nos momentos mais informais. As vestimentas típicas do Paraguai denotam essa menor influência estrangeira nos seus costumes. A seguir vamos falar um pouco mais sobre as peças que fazem parte do cotidiano dos paraguaios e são símbolos dessa nação.

Manta

Uma das peças mais típicas de vestimenta utilizada pelos paraguaios é uma manta usada para cobrir apenas um dos lados do corpo.

Ñanduty

Ñanduty

Ñanduty

Uma das principais riquezas culturais do Paraguai é o tecido rendado chamado de ñanduty. Resultante de um trabalho manual bastante primoroso, esse tecido, é usado para confeccionar diversas roupas usadas para danças típicas. Uma curiosidade é o significado do nome desse rendado, teia de aranha.

Aó Po’i

Aó Po’i

Aó Po’i

Outro tecido típico do Paraguai, o aó po’i, significa ‘roupa fina’ e também pode ser usado para a confecção de roupas típicas de dança.

Curiosidades Sobre o Paraguai

Agora que você já conheceu um pouco mais sobre os tecidos e as vestimentas tradicionais do Paraguai que tal conferir algumas curiosidades sobre o nosso vizinho?

Tereré

Tereré

Tereré

Mais uma influência dos índios guaranis na cultura paraguaia pode ser observada no costume de consumir erva-mate na forma de tereré. Essa bebida nada mais é do que erva-mate moída e misturada a água gelada numa guampa (um recipiente feito a partir de chifre de boi). Para beber é usado um canudo de metal chamado de bombilia, em tempos remotos esse canudo feito de taquara.

Na região centro-oeste do Brasil o tereré também é bastante consumido, a diferença essencial em relação ao chimarrão – tão popular no Rio Grande do Sul – é o fato da bebida ser consumida fria e não quente, algo mais condizente com a média de temperaturas da região.

Comida Típica

Ao visitar o Paraguai além de procurar pela manta para cobrir um lado só do corpo é interessante saborear os mais variados pratos locais. Os destaques ficam para a chamada ‘sopa paraguaia’ que na realidade é uma torta salgada feita com milho e o chipá que é um tipo de pão feito de mandioca.

Harpa: O Instrumento Típico do Paraguai

A harpa foi levada para o Paraguai pelos jesuítas durante o período colonial e se tornou o instrumento típico do país.

Harpa

Harpa

Guarânia: Estilo Musical Típico

A música típica do Paraguai é a guarânia, essa música de ritmo lento foi criada em 1925 por José Asunción Flores. Em regiões interioranas os ritmos preferidos pelas populações são a polca e a purahéi jahe’o (que pode ser traduzido como canto choroso).

Bandeira Dupla Face

Essa é uma curiosidade bem interessante, pois o Paraguai é o único país cuja bandeira tem dupla face, dessa forma a bandeira possui um design na frente e um design atrás.

Gostou de saber mais sobre as vestimentas típicas do Paraguai e algumas curiosidades?

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Curiosidades

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *