Quadrilha Drummond

Carlos Drummond de Andrade foi um célebre poeta, contista e cronista brasileiro. Suas criações tinham grande liberdade linguística e retratavam o cotidiano brasileiro de forma objetiva e crítica, mas também falava de amor e algumas de suas obras eram voltadas para o público infantil.

O poema “Quadrilha” conta a história de seis pessoas que se conectam através do amor, ou melhor, dos desencontros dele. O nome deste poema se refere à troca de pares que ocorre como na quadrilha, dança folclórica praticada nas festas juninas brasileiras.

Nessa história de desencontros, o final de cada personagem é inesperado e até um homem que “não tinha entrado na história” antes surge para fechar o ciclo de desamores, contado nos versos abaixo:

João amava Teresa que amava Raimundo
que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili
que não amava ninguém.
João foi para os Estados Unidos, Teresa para o convento,
Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia,
Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes
que não tinha entrado na história

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Autores
1.538

Função: Programação e SEO
Formação: Bacharelando em Ciência da Computação – Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI)
Técnico em Informática Industrial – Colégio Técnico Industrial de Guaratinguetá (CTIG)
Interesses:  Internet, Jogos, Esportes e Música

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *