Crenças do Hinduísmo

O Que é Hinduísmo?

O hinduísmo é a religião mais antiga existente no mundo, com um bilhão de seguidores, o que a torna a terceira maior religião do mundo. É um conglomerado de ideias religiosas, filosóficas, culturais e práticas que se originou na Índia, caracterizada pela crença na reencarnação, em um ser absoluto de múltiplas manifestações, na lei de causa e efeito, seguindo o caminho da justiça, e do desejo de libertação do ciclo de nascimento e morte.

Ao contrário de outras religiões, o hinduísmo é um modo de vida, um Dharma, ou seja, a lei que rege toda a ação. Ele tem suas próprias crenças, tradições, ética, rituais, filosofia e teologia. A tradição religiosa do hinduísmo é a único responsável pela criação de tais conceitos e práticas originais como a ioga, Ayurveda, Vastu, Jyotish, Yajna, Puja, Tantra, Vedanta, Karma, etc.

Como e Quando o Hinduísmo Se Originou?

O Hinduísmo se originou em um passado tão distante que é impossível ter uma resposta exata. Alguns estudiosos acreditam que o hinduísmo surgiu cerca de 10.000 aC e que a primeira das escrituras hindus – O Rig Veda – foi composta bem antes de 6500 aC.

A palavra “hinduísmo” não é encontrada em nenhum tipo de registro, e o termo “Hindu” foi introduzido por estrangeiros para se referir às pessoas que vivem do outro lado do rio Indus, no norte da Índia, em torno do qual se acredita que a religião tenha se originado.

Quais São os Princípios Básicos do Hinduísmo?

Não há apenas um segmento do hinduísmo, e, por isso, não existe nenhum sistema unificado de crenças e ideias. O hinduísmo é um conglomerado de diversas crenças e tradições, em que os temas de destaque são:

  • Dharma (ética e deveres)
  • Samsara (renascimento)
  • Karma (ação correta)
  • Moksha (liberação do ciclo de Samsara)

Os seguidores do hinduísmo também acreditam na verdade, na honestidade, na não-violência, no celibato, na limpeza, no contentamento, nas orações, na austeridade, na perseverança, na penitência e na piedade.

Quais São as Principais Escrituras Hindus?

As escrituras básicas do hinduísmo, que são coletivamente chamadas de “Shastras”, são uma coleção de leis espirituais descobertas por diferentes santos e sábios em diferentes pontos da história.

Os dois tipos de escritos sagrados compreendem as escrituras hindus: Shruti (ouvido) e Smriti (memorizado). Eles foram passados ​​de geração em geração oralmente por séculos antes que fossem escritos no idioma sânscrito. Os principais textos hindus e mais populares incluem o Bhagavad Gita, os Upanishads, e os épicos de Ramayana e Mahabharata.

A Cultura do Hinduísmo

O hinduísmo não tem um fundador, e ele não tem uma Bíblia ou um com suas regras e costumes registrados. Consequentemente, ele não exige que seus adeptos aceitem qualquer ideia. Assim, é algo mais cultural do que religioso, com uma história contemporânea dos povos com os quais ele está associado.

Quais São as Principais Divindades Hindus?

O Hinduísmo acredita que há apenas um supremo absoluto, chamado de Brahman. No entanto, ele não defende a adoração de qualquer divindade particular. Existem milhares de deuses e deusas do hinduísmo, representando todos os muitos aspectos do Brahman. Portanto, esta fé é caracterizada pela multiplicidade de divindades.

A divindade hindu mais importante é a Trindade de Brahma, Vishnu e Shiva – criador, preservador e destruidor, respectivamente. Os Hindus também adoram espíritos, árvores, animais e, até mesmo, planetas.

O Hinduísmo é Politeísta?

O Hinduísmo é geralmente associado a uma multiplicidade de deuses, e não defende a adoração de uma divindade particular. Os deuses e deusas do hinduísmo somam milhares ou mesmo milhões, representando todos os muitos aspectos de apenas um supremo absoluto chamado de “Brahman”.

Portanto, acreditar que a multiplicidade de divindades do hinduísmo o torna politeísta é um erro. O Rig Veda diz: ”Ekam sath, Vipraah bahudhaa vadanti” (A verdade é uma só). No entanto, comparar o “Brahman” com “Deus” não é correto.

A doutrina de competência espiritual do hinduísmo recomenda que as práticas espirituais prescritas para uma pessoa devem corresponder com a sua competência espiritual e que uma ela deve ter a liberdade de escolher (ou criar) uma forma de satisfazer o Brahman e para torná-lo o objeto de sua adoração.

Assim, os hindus têm uma quantidade enorme de deuses e deusas. As divindades são representadas por uma complexidade de imagens e ídolos que simbolizam os poderes divinos. Muitos destes ídolos ficam dentro de templos suntuosos de beleza e grandeza inigualáveis.

Além da Trindade de Brahma, Vishnu e Shiva, já citada, outras divindades mais populares incluem Ganesha, Krishna, Hanuman e uma série de deusas.

Como Se Tornar um Hindu?

Um hindu é um indivíduo que aceita e vive pela orientação religiosa das escrituras védicas. A tradição hindu não exige que você tenha uma afiliação religiosa ao hinduísmo para receber seus ensinamentos internos, então, para se tornar bastante que você comece a seguir as tradições.

Ser Hindu implica simplesmente viver uma vida justa, obedecendo os dois princípios básicos do Karma, ou seja, fazendo o seu dever e Dharma, ou seja, acreditar em o que é certo, a fim de alcançar a salvação deste mundo.

Atitudes de um Hindu Exemplar

  • Levantarda cama antes do sol nascer.
  • Prestar homenagem à divindade da família.
  • Passar de 10 a 15 minutos orando, meditando e recitando as escrituras.
  • Preparar o café e comer só depois de oferecer o mesmo para a divindade da família.
  • Em seguida, durante todo o dia, executar as tarefas relacionadas com a profissão com completa devoção, sinceridade e honestidade.
  • À noite, realizar orações em grupo no santuário da família, juntamente com todos os membros da família.
  • Isto é seguido por jantar e reverência à divindade da família antes de ir para cama.

Além desta rotina diária, um hindu exemplar deve visitar o templo hindu mais próximo de vez em quando. Você deve participar de festivais hindus importantes com a devida reverência, e ir em peregrinação a alguns locais sagrados.

Um hindu deve ser caridoso, ajudar os necessitados, respeitar os mais velhos na sociedade e seguir o caminho da retidão moral, tanto na vida pessoal quanto social. Ter compaixão, consideração pelos outros, amor, simpatia, não-violência.

O Hinduísmo é uma das religiões mais antigas do mundo, seus seguidores creem que todos temos e tivemos várias vidas diferentes e aprendemos na terra as lições espirituais, e tudo que fazemos agora se refletirá no futuro, isso se chama Kharma.

Os Hinduístas, apesar de terem mais deuses acreditam em um Deus único que está em tudo, e esta personifica em homem chamado de krishna.  Alguns deuses hindus são cultuados de formas eróticas, outros com forma de castidade, outros com jejum e outros através de meditação de seus fiéis.

É uma religião bem liberal, seu fiel tem o direito de fazer o que quiser na vida, mas deve pensar que tudo que fizer será voltado para ele, segundo o Kharma. Existe uma vertente do hinduísmo que não aceita mudança de religião, se a pessoa nasceu Hindu, vai vier Hindu e vai morrer Hindu, mas isso é só nessa vertente. No mundo existe um bilhão de praticantes do hinduísmo, sendo que que 90% deles estão na Índia.

Hinduísmo – A Religião

Dentre as religiões mais antigas do mundo, o Hinduísmo, conta com manuscritos sagrados que datam de 1400 a 1500 a.C. Trata-se de uma das religiões mais complexas e diversas contando com milhões de deuses. Devido a isso os hindus possuem diversas crenças e seitas variadas. A terceira maior religião do mundo, contudo, se concentra em grande parte na Índia, Nepal e com números pequenos de adeptos em outros países.

Textos Principais

Dentre os principais textos do Hinduísmo estão Veda (esse é tido como o mais importante), Mahabharata, Upanishadas e Ramayana. Nessas escrituras são encontrados hinos, rituais, encantamentos, poemas e histórias. Nesses conteúdos estão a base das crenças do hinduísmo. Os hindus ainda utilizam outros textos como os Sutras, Brahamanas e os Aranyakas.

Brahma – O Deus Supremo

Uma das principais características do Hinduísmo é ter em torno de 330 milhões de deuses, contudo, mesmo sendo politeísta conta com um deus supremo que é Brahma. Esse deus seria uma entidade que tem sua existência entre uma área da existência e da realidade.

Brahma estaria por todo o universo e seria um deus impessoal que tem a sua existência sob três formas que são: Brahma (o criador); Shiva (o destruidor) e Vishnu (o preservador). Essas três formas são separadas. As três formas de Brahma ainda podem ser conhecidas por meio de diversas encarnações. A teologia hindu é muito difícil de descrever uma vez que todo o seu sistema de teologia tem a influência do Hinduísmo.

Tipos de Crenças do Hinduísmo

O hinduísmo pode se apresentar de algumas maneiras:

  • Monístico – A crença principal é de que somente uma coisa existe. Trata-se da escola de Sankara.
  • Panteísta – Para esse tipo de crença somente existe uma coisa divina, dessa forma Deus se torna igual ao mundo, se caracteriza pelo Brahmanismo.
  • Panenteísmo – Para essa corrente o mundo constitui uma parte de Deus. Se caracteriza pela escola da Ramanuja.
  • Teísta – Existe somente um Deus, porém que é diferente da Criação. Essa corrente se caracteriza pelo Hinduísmo Bhakti.

Religiões Hindus

Quando se analisa essa grande variedade de deuses e possíveis crenças é possível ficar um tanto confuso e acreditar que o hinduísmo é na verdade ateísta, niilista entre outros. Nesse ponto se mostra muito importante compreender o que faz de uma religião uma religião hindu.

Vedas Sagrados

Para uma religião ser hindu é necessário que entenda os Vedas como sagrados, se tem essa percepção é hindu, se não tem então não é. No entanto, temos que nos aprofundar um pouco mais na questão dos Vedas uma vez que eles possuem uma variada theo-mitologia o que significa que a religião se mistura de forma muito íntima com mitos.

A cultura da Índia tem uma ligação bem especial e intrínseca com a mitologia dos Vedas sendo assim alguém que os rejeita está de certa forma rejeitando o país também. Com isso podemos concluir que o Hinduísmo adota de uma maneira ou de outra a cultura indiana. Quando se aceita a cultura da Índia já se pode ser visto como sendo hindu.

Falta de Lógica

Atualmente, uma grande dificuldade que o hinduísmo enfrenta é a busca pela racionalidade e lógica na religião em especial no Ocidente. Contudo, não se pode negar que os cristãos padecem desse problema também, embora, o camuflem. Muitos cristãos vivem e agem como se fossem ateus praticantes, mas se consideram e declaram como cristãos. Os especialistas em religiões acreditam que esse conflito se apresenta para os hindus como uma contradição da lógica enquanto que para os cristãos se torna apenas uma questão de hipocrisia.

A Visão Hindu da Humanidade

As crenças hinduístas também possuem uma visão diferente da humanidade, pois uma vez que eles entendem que Brahma é tudo então os seres humanos são divinos. A realidade fora de Brahma é entendida como uma mera ilusão. O principal objetivo de cunho espiritual dos hindus é se tornar um com Brahma de maneira de deixar de estar numa forma individual que é vista como uma ilusão.

A liberdade de se tornar um com Brahma recebe o nome de “moksha”. Os hindus acreditam que até que consigam chegar a esse estado continuaram reencarnando de forma que possam trabalhar para que aconteça a sua autorrealização. A realização completa consiste em chegar a verdade sendo que a verdade é que somente Brahma existe.

Carma

É possível reencarnar nas mais variadas formas e o que determina a forma como cada um irá reencarnar é o carma. O carma é definido como um princípio que possui causa e efeito que tem o seu controle através do equilíbrio da natureza. Dessa forma a maneira como a pessoa agiu em seu passado tem influência direta no que irá acontecer no seu futuro. São considerados passado e futuro de outras vidas para a determinação do carma. Por isso para os hindus é importante fazer o bem no presente para garantir que a próxima vida seja próspera e plena.

Oposição ao Cristianismo

Com o que lemos até aqui a respeito do hinduísmo é possível perceber que existe oposição a grande parte dos conceitos do Cristianismo Bíblico no que se refere a um sistema de crença. Para começar o Cristianismo possui apenas um Deus e conta com apenas um livro de escrituras no qual consta a forma como Deus criou o planeta e tudo o que existe nele.

Através do que está escrito na Bíblia é possível constatar que o homem foi criado a imagem e semelhança de Deus bem como só vive uma vez. A salvação dos cristãos se daria somente por meio de Jesus Cristo. O hinduísmo tem diversos deuses e não reconhece Jesus como deus-homem e salvador.

Apesar das diferenças as religiões devem coexistir em paz e harmonia, pois cada um tem o direito de ter a sua própria crença. A comparação foi feita como uma forma de tornar mais claras as principais características de cada uma das religiões. O hinduísmo tem presença mais forte no oriente, contudo, existem religiões e adeptos no Ocidente também.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Religião
1.538

Função: Programação e SEO Formação: Bacharelando em Ciência da Computação – Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI) Técnico em Informática Industrial – Colégio Técnico Industrial de Guaratinguetá (CTIG) Interesses:  Internet, Jogos, Esportes e Música

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *